Vicentini Gomez lança livro na Pandemia

Vicentini Gomez lança livro na Pandemia

Vicentini
Foto: Acervo Pessoal

Vicentini Gomez lança livro na Pandemia. A pandemia que para muitos foi chocante e depressiva, para Vicentini Gomez, que estava com depressão foi produtiva e motivadora, gerando livro e filme.

No início de 2020 a atriz e produtora Maximiliana Reis provocou o autor a escrever algumas cenas sobre o universo feminino – bandeira que ela carrega com muita determinação- para um espetáculo que produziria com estreia prevista para julho no Teatro Gazeta em São Paulo. Escrever sobre o universo feminino? E agora? Como sou adepto de “todo fim precisa de um início”, varei a noite em pesquisas, afirma o autor.

Maximiliana conta que o seu pensamento é que levaria alguns meses… E não é que no dia seguinte lá estava o Vicentini me enviando as histórias? Fui devorando e viajando em cada quadro. Intimidades que somente uma mulher poderia descrever e confessar. Conseguiu mergulhar de cabeça e aflorar o lado mais precioso de cada personagem feminina.

Fruto de muito estudo e dedicação. Muitas risadas misturadas com lágrimas emocionadas em cada situação contada. Personagens da vida real que você vai se identificar ou irá reconhecer mulheres que já passaram por situações semelhantes.

Como o espetáculo com estreia prevista para Julho não aconteceu por conta da pandemia, com isolamentos e máscaras. Todavia, o autor continuou a escrever e “gerou” este livro, sobre o qual depositou sua alma feminina.

“Tive que me desnudar de vícios em mim impregnados por toda uma vida” afirma Vicentini, pois a cada nova pesquisa, tinha a confirmação de que sempre foram os homens que escreveram histórias, ditaram regras… Então, revisitou o “Bruxo do Cosme Velho” –Machado de Assis- e suas “Academias do Sião”. Li e reli inúmeras vezes o conto e nele busquei inspiração para desenvolver o texto, afirma Gomez. TalessaK, a ilustradora comenta sobre sua criação:

“Para a criação do conceito da capa foram utilizados dois elementos principais que representam a essência do conteúdo do livro. Como metáfora procurei trazer a flor -copo de leite- e utilizar seus contornos naturais, as nuances/curvas, para dar uma alusão sutil a uma forma feminina. O outro elemento na composição foi a sombra, como forma de representação das multifacetas do mundo feminino que o livro explora.

As sombras também representam o oculto, o mistério, a imprevisibilidade. Além de trazer uma memória teatral: as luzes do palco, a sombra marcada. O que para mim é válida, já que o texto do livro em sua origem era um texto para peça teatral”. Lançado pela Editora “LAÇOS”, o editor Kendi Sakamoto fala sobre a obra: “Vicentini Gomez, inigualável é um guerreiro que se renova a cada situação. Superar-se é preciso! E isso ele faz com Maestria”.

O livro já está disponível no Mercado Livre: https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1637031105-livro-cenasfemininas-e-outras-ilacoes-devicentini-gomez-_JM?quantity=1

Considerações sobre o livro

Quanta história! Quantas lembranças e identificações! Vicentini percorre dos amores aos peitinhos proibidos e da nossa bolsa ao “coiso”.

E entre um caso e um descaso, transita por sonhos, rebeldias, traições, abusos, constrangimentos, risadas, pausas e menopausas, mágoas e perdões.

Christina Trevisan

Diretora teatral, atriz professora de teatro – É um “manifesto” escrito por um homem, para ser encenado por mulheres.

João D´Olyveira

Diretor, ator e mestre em Comunicação e Linguística – Muitas risadas misturadas com lágrimas emocionadas em cada situação contada. Personagens da vida real que você vai se identificar ou irá reconhecer mulheres que já passaram por situações semelhantes.

Maximiliana Reis

Diretora, atriz e produtora O filme Doutor Hipóteses – uma alma perdida na pandemia– está em fase de finalização e em breve estará nos festivais de cinema em todo o mundo.

One thought on “Vicentini Gomez lança livro na Pandemia

Deixe seu comentário :D

%d blogueiros gostam disto: