UBS arrecada alimentos contra a fome

UBS Cambuci faz campanha de arrecadação de alimentos na vacinação

UBS
Foto: União de Núcleos, Associações dos Moradores de Heliópolis e Região (UNAS)

A Unidade Básica de Saúde (UBS) Cambuci está arrecadando alimentos para o combate à fome. A campanha é de vacinação solidária, ou como chama o governo de São Paulo, Vacina Contra a Fome.

Mais da metade da população passa fome. Leia-se: mais de 105 milhões de pessoas. Segundo estudo publicado no último dia 05 pela Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (Rede Penssan), o país tem exatamente 135 milhões em situação de fome. Fome.

Dos estimados 211 milhões de habitantes, são 19 milhões de pessoas que passam fome todos os dias, aquelas que quando muito comem uma vez ao dia. E 116,8  milhões que não sabem se terão o que comer até o fim do mês. Especialistas afirmam que o nome técnico para essa fome no final do mês é “insegurança alimentar”. 

Em 2014, a fome havia deixado de ser um problema estrutural brasileiro para se tornar um fenômeno isolado, como afirma a própria Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO). No Brasil, existia um Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello o chefiava.

Naquele ano, ainda havia 3,4 milhões de pessoas que não comiam o suficiente, o que correspondia a 1,7% da população, quando a taxa é inferior a 5%, o problema deixa de ser estrutural. Vale reafirmar, hoje são 19 milhões de pessoas em estado grave de fome, outras quase 117 milhões em insegurança. Mais de 135 milhões ao todo.

Depois de 17 anos, mais da metade da população voltou a passar fome no país. O preço dos alimentos está cada vez mais caro para o povo. E como pesa no bolso de cada um. Enquanto isso, o setor Agro brasileiro lucra com mais uma safra recorde e o presidente da República gasta R$ 15 milhões só com leite condensado. 

Foto: Gov. BA

O Brasil de Bolsonaro que já matou mais de 370 mil pessoas pela Covid-19, em nenhum momento até aqui, morreu-se tanto pela pandemia. Números de óbitos já superam o número de nascimentos em diversas regiões do país.

Portanto, o Jornal do Cambuci e a Associação de Preservação do Cambuci e Vila Deodoro (APCVD) apoiam a campanha de arrecadação de alimentos, a Vacina Contra a Fome, que acontece na UBS Cambuci.

Use máscara, álcool em gel, procure manter o distanciamento social e, quando puder, fique em casa. Leve alimentos não perecíveis quando for se vacinar.

Como está a vacinação em São Paulo?

O governo de São Paulo anunciou que pessoas com mais de 60 anos serão vacinadas nessa nova etapa da campanha de vacinação. Idosos entre 63 e 64 anos de idade serão vacinados a partir do próximo dia 29. Já quem tem entre 60 e 62 anos será contemplado a partir do dia 6 de maio. O governo paulista pretende vacinar cerca de 2,2 milhões de pessoas que fazem parte da faixa etária de 60 a 64 anos.

Quando chegar a sua vez, vacine-se e colabore com a campanha de arrecadação de alimentos na UBS Cambuci.

 

Daniel Yazbek

Deixe seu comentário :D

%d blogueiros gostam disto: