Rússia é punida por doping e fica fora da Copa de 2022

A medida foi tomada na manhã desta segunda em Lausanne na Suiça, punindo o país no esporte por quatro anos.
A Agência Mundial Anti-doping (WADA) anunciou hoje uma suspensão da Federação Russa e seus atletas por um período de quatro anos a partir de hoje. Com essa medida a Rússia fica fora de competições mundiais como Olimpíadas de Tóquio 2020, Jogos Olímpicos de Inverno de 2022 e a Copa do Qatar.
reprodução
No caso dos Jogos Olímpicos, atletas russos que provarem nao estarem envolvidos em casos de doping vão ter a permissão de competir, mas sob bandeira neutra, ou seja, sem nacionalidade de fato.
Com 21 dias para recorrer da decisão, a Rússia alega que os problemas são técnicos, mas em 2016 o país já havia sido punido nas Olimpíadas do Rio mas competições de atletismo após um esquema de doping promovido pelo governo para obter melhores resultados em competições de grande importância.
A medida tomada pela WADA tem como intenção, mostrar aos russos a gravidade dos atos cometidos para que novas medidas Anti-doping sejam adotadas afim que casos como este não se repitam.
Para a EuroCopa de 2020 que acontece em 12 sedes, e países diferentes inclusive na Rússia, a punição não se aplica, pois a entidade não considera o torneio como um grande evento. No ano passado nas olimpíadas de Inverno, 168 atletas russos competiram sob bandeira branca, já em uma outra punição devido casos de doping.

Por: Willian Moreira

Deixe seu comentário :D

%d blogueiros gostam disto: