PSDB é contra impeachment de Bolsonaro

Presidente do partido, Bruno Araújo, anuncia decisão

Foto: Pedro França/Agência Senado

Partido que foi pivô no golpe de estado articulado para deposição da ex-presidente, Dilma Rousseff, PSDB é contra o impeachment de Jair Bolsonaro.

A decisão foi anunciada pelo presidente da legenda, Bruno Araújo (PSDB-PE), quem curiosamente deu o voto decisivo contra Dilma na sessão da Câmara dos Deputados, em 2017, no processo que resultou na ascensão do neofascismo no Brasil.

O presidente Bolsonaro, entre tantas arbitrariedades e quebras de decoro, incentiva invasões de hospitais no País em pleno crescimento da pandemia. “O impeachment é potencializar uma crise dentro da mais grave crise sanitária e econômica talvez da nossa história”, diz Araújo, em entrevista à Folha de S. Paulo.

“O caminho do PSDB é a oposição. O PSDB teve a paciência democrática de esperar o tempo e dar as oportunidades a um governo democraticamente eleito se instalar e trabalhar. O PSDB foi colaborativo. A principal reforma desse governo, da Previdência, foi relatada na Câmara e no Senado pelo PSDB”, completa ele ao sinalizar apoio à parte econômica do bolsonarismo.

 

Da Redação

Deixe seu comentário :D

%d blogueiros gostam disto: