Palmeiras 3 x 1 Mirassol: vitória no tapete novo

Palmeiras venceu neste domingo o Mirassol por 3 a 1 no estádio Allianz Parque com direito a novo gramado sintético, escorregões e muita falta de criatividade no primeiro tempo, principalmente.


O time do técnico Luxemburgo mostrou ótimo posicionamento tático na primeira etapa, ainda mais com uma forte marcação de Patrick e Felipe Melo.
Num primeiro tempo apagado do ataque, principalmente de Willian, que pouco fez, muito sumido. Patrick, roubou bolas, deu chute no gol e ainda bateu uma falta perigosa. Faltou criatividade por parte do meio Lucas Lima e também mais vontade de arriscar. Mayke teve uma oportunidade clara, que nem chutou, nem cruzou.

A torcida cobrou já no final do primeiro tempo, sentia que o time estava muito travado, um futebol burocrático.
No segundo tempo, o time entrou meio desligado e sofreu um gol do Mirassol. Perdendo a partida, foi obrigado a ir pra cima, aí sim o Palmeiras se libertou do futebol preso do primeiro tempo. Luiz Adriano tentou mais, Gustavo Goméz se arriscou nos escanteios e até tabelas começaram a aparecer.

A equipe alviverde conseguiu fazer 3 gols no segundo tempo, criando e mostrando boas jogadas articuladas.
Na coletiva, luxa voltou a falar de Felipe Melo, que fez um ótimo jogo, e da grata surpresa que foi Patrick na partida como primeiro volante. Jogador que sentiu uma possível lesão e saiu, mas aqui na zona mista, nos confessou que está tudo bem, que não foi nada demais.

Weverton também conversou conosco e num papo informal falou sobre o novo gramado, semelhante ao da arena do Athletico-PR. O goleiro falou que o campo é muito bom, que particularmente pra ele é melhor, mas falou que quando pula numa bola queima um pouco, que o jogo fica mais veloz e até que não uso chuteiras com travas diferenciadas. A trava mista pra ele, costumeira, estava ótima.

Palmeiras conquista mais uma vitória e tira a invencibilidade do Mirassol no campeonato Paulista 2020.
O próximo jogo é aqui no Allianz Parque na quinta-feira, diante do Guarani, esse de São Paulo e não do Paraguai.
#Avanti

Por: Vitor Gomes

Deixe seu comentário :D

%d blogueiros gostam disto: