Mutirão de limpeza no Parque é exercício de cidadania

Grupo realiza Mutirão no Parque da Aclimação 

Ação é considerada exercício de cidadania

Mutirão

Um grupo de vizinhos realizou um Mutirão de Limpeza no Parque da Aclimação na última sexta-feira, dia 06 de novembro. A ação aconteceu ao redor do lago, no cachorródromo e na trilha do bosque de eucaliptos próximo à rua Sebastião Carneiro, onde pessoas jogam lixo de fora para dentro.

Mais de 30 sacos de lixo foram recolhidos por cerca de 20 pessoas que participaram da ação. Pais, filhos, amigos, vizinhos, duas conselheiras, dois funcionários e a própria administradora do Parque. Alguns se animaram a ajudar enquanto passeavam. 

A ideia surgiu de um grupo de vizinhos nas redes sociais, como forma de conscientização dos malefícios da poluição no Parque, bem como exercício de cidadania ao devolver o espaço público às pessoas. Assim, o evento foi amplamente divulgado na internet, em perfis pessoais e na imprensa.

O morador do bairro, Eduardo Fernandes, e sua filha, Duda, descobriram o Mutirão no Facebook e compareceram no dia para ajudar. Ele pensa que ações como essa servem para unir o bairro.

“Nós temos que começar agradecendo por ter um Parque tão legal perto da gente. Esse Mutirão é um começo para ter novas ideias. Que ninguém se aproprie, até porque, às vezes, as pessoas confundem um pouco as coisas. Que a gente possa dar o exemplo para as próximas gerações”, expõe ele.

A presidente da Associação de Preservação do Cambuci e Vila Deodoro, Ana Cláudia Gomes, também comemora a realização do Mutirão pois acredita na participação do povo na conservação do Parque.

“Crianças, jovens, adultos e idosos, todos nós temos como contribuir, seja participando de movimentos ou pela simples conscientização da importância do Parque da Aclimação para nós, como um patrimônio da nossa cidade”, afirma ela.

A frequentadora do Parque, Lidiane Vieira, colaborou na organização do evento mas não conseguiu ir pois estava trabalhando. Ela diz que foi lindo ver o compromisso das pessoas em ajudar o bem comum.

“Eu acho o Mutirão uma forma coletiva e participativa de ajudar e beneficiar o espaço público, que acolhe as pessoas e convida a construir algo coletivo. Além dessa ênfase na preservação do Parque, o Mutirão reforça o compromisso de cidadão. Não é só trabalho do poder público”, ressalta a frequentadora.

Uma das conselheiras do Parque da Aclimação, que participou do Mutirão e é diretora da Associação de Protetores de Gatos e Outros Animais da Aclimação (Aprogato), Ana Fasanella, concorda com a análise de que o evento foi um exercício de cidadania. Ela também pede para que o Conselho Gestor participe mais ativamente de ações assim, afinal o público é de todos.

“Acredito que o Conselho Gestor deveria se engajar um pouco mais nessa questão porque o Parque é da comunidade, nós que usamos o Parque. Então, nada mais justo que nós tomemos conta do ambiente que frequentamos”, afirma Ana.

Mutirão

A conselheira está atenta para o aspecto educativo do Mutirão. “As pessoas que se sentem confortáveis jogando lixo no Parque com certeza vão ficar constrangidas ao encontrar um lugar limpo e ver que tem gente que zela por ele”, completa.

Segundo a Teoria da Janelas Quebradas, se uma janela de um edifício for quebrada e logo não receber reparo, a tendência é que passem a arremessar pedras nas outras janelas e posteriormente passem a ocupar o edifício e destruí-lo. O inverso também acontece, quando espaço é preservado, ele tende a se manter intacto, haja visto o chão do metrô.

O apoio da Administração foi fundamental, forneceu materiais necessários e os únicos dois funcionários responsáveis pela limpeza, jardinagem e varrição da principal área verde da região: Dona Jô e Seu Antônio. 

A administradora do Parque da Aclimação, Tania Casseb, agradece à comunidade sua equipe e rasga elogios ao Mutirão.

“Nada acontece sem o apoio da comunidade, entendo que o Parque é de todos e a participação da sociedade é fundamental, à exemplo disso, os mutirões de limpeza e plantio que aconteceram. As dificuldades não são poucas, mas nada que a dedicação e o amor ao Parque não superem. O Parque tem uma equipe maravilhosa, são funcionários dedicados e extremamente competentes, sabem trabalhar em equipe”, destaca ela. 

Com o exemplo de cidadania deixado pelo Mutirão, mais ações do tipo devem acontecer. O grupo de vizinhos estuda realizar um evento por mês. O próximo ainda não está definido, mas provavelmente será no primeiro sábado de dezembro, dia 05. 

Interessados, entrem em contato pelas redes sociais do jornal Notícias da Aclimação e Cambuci ou telefone (11) 97692-3340.

 

Daniel Yazbek

2 thoughts on “Mutirão de limpeza no Parque é exercício de cidadania

Deixe seu comentário :D

%d blogueiros gostam disto: