Lula fala à imprensa e se torna o líder da oposição

Lula fala à imprensa e se torna o líder da oposição

Lula

Lula faz discurso histórico e aumenta oposição a Bolsonaro. Estivemos na coletiva de imprensa no último dia 10 de março no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo e assistimos o verdadeiro início da corrida eleitoral para 2022.

Dezenas de Jornalistas de várias partes do mundo e da imprensa brasileira ouviram do ex- Presidente Luiz Inácio Lula da Silva um discurso firme com duras críticas de como Jair Bolsonaro tem tratado a pandemia e a economia do país. Muitos consideraram sua fala como a de um Estadista.

Solidarizou-se com as famílias dos mais de 270 mil mortos, criticou a forma como a Lava Jato, em especial o Juiz Sérgio Moro e o Procurador Deltan Dallagnol, trataram as acusações e a condenação, que o levou à prisão e impediu sua candidatura em 2018. Insistiu na suspeição de Moro e reafirmou sua inocência.

Lembrou dos 580 dias que ficou preso em Curitiba e do enterro de seu irmão que a justiça o impediu de acompanhar. Falou da morte de Dona Marisa que teve um AVC. Segundo Lula as mentiras contra sua família levaram a esposa prematuramente.

Afirmou não ter mágoa do que aconteceu com ele esses últimos 3 anos. Ficou com as cicatrizes, mas disse que o sofrimento do povo brasileiro é muito maior com a falta de trabalho e comida.

Falou de política nacional, internacional, do desmanche da nossa indústria, desemprego, fome, Covid e de como o Brasil perdeu sua soberania caindo da 6ª maior economia para a 12ª. Comentou que o Governo Bolsonaro vendeu uma refinaria da Petrobras que dava R$ 70 milhões de lucro ao ano por R$ 3,5 milhões. “Negócio de pai parar filho”.

Fez duras críticas ao Ministério da Saúde, que não conseguiu organizar a segurança do povo brasileiro contra a pandemia e nem planejar a compra de vacinas. Sobre a preocupação de Bolsonaro em autorizar a venda de armas, em vez de priorizar a questão da fome e da pandemia, fez duras críticas.

Entretanto, o ponto principal da coletiva de Lula, foi o fato de finalmente o Brasil ter uma oposição. Nenhuma Democracia sobrevive sem uma oposição consequente.

Vale lembrar que os processos contra o ex- Presidente irão para Brasília e que ele poderá passar por um novo julgamento, mas a sua volta para o jogo político, gostem ou não dele, será benéfico e fará Bolsonaro se mexer.

Lula, assumindo o papel de principal líder da oposição, pautará os novos passos do Governo. Sem dúvida a chacoalhada política no discurso de terça teve repercussão mundial e principalmente em Brasília.

Quarta-feira, logo após a coletiva de Lula, o Governo Federal assinou a autorização para a compra de vacinas. O Presidente e todos assessores apareceram à solenidade usando máscara.

Os admiradores de Lula sentiram-se com a alma lavada. Os críticos, e principalmente os seguidores de Bolsonaro, continuarão a se basear no discurso da “roubalheira da Petrobrás” e a atacar o STF (Supremo Tribunal Federal). Será uma disputa entre dois pensamentos opostos que trarão ao Brasil um intenso debate de Projeto de País e de como sairemos da pandemia e da crise econômica. Os novos capítulos prometem ser emocionantes. Lula promete dialogar com todos os setores da sociedade que defendem a Democracia.

Bolsonaro precisará melhorar a qualidade de seu governo e descer do palanque para resolver os problemas do país. Quanto a Moro e os Procuradores de Curitiba, certamente passarão por momentos difíceis. O povo brasileiro precisará acompanhar o que vem pela frente despido de preconceitos e de ideias formadas pelas Fake News. Não será fácil. O estrago é muito grande, mas o Brasil é maior.

 

Roberto Casse

One thought on “Lula fala à imprensa e se torna o líder da oposição

  1. Bela matéria, Kasseb. O Lula fez um belíssimo discurso, digno de grande estadista e como você interpretou , é o maior líder de oposição, que já estâ ditando as regras para o (des)governo Bolsonaro,. Ele começou a usar máscara e, mesmo contrariado, trocou o general por um médico no Ministério da Saúde. Que agora corra atrás das vacinas para enfrentar a expansão do novo coronavírus.

Deixe seu comentário :D

%d blogueiros gostam disto: