Bairro reabre economia

Pontos de comércio geram preocupação

Desde quarta-feira, dia 10 de junho, o comércio de rua está autorizado a reabrir na cidade de São Paulo, por período limitado a 4h por dia e com o compromisso de manter medidas de higiene e distanciamento.

Avenida Lins de Vasconcelos, avenida da Aclimação e Largo do Cambuci são os três principais pontos de comércio que abrigam o maior número de estabelecimentos da região.

Durante o período de maior rigor da quarentena, tais locais já eram bastante movimentados, fato que pode explicar os péssimos índices de isolamento social no bairro e a figuração do Cambuci entre os dez distritos da cidade com mais casos a cada 100 mil habitantes.

Com a flexibilização do isolamento social, o fluxo nesses pontos também aumentou. Pessoas voltaram às ruas e, com elas, também muitos registros de aglomeração, principalmente no Largo do Cambuci, indivíduos descumprindo a exigência do uso de máscara, além da falta de necessidade para sair de casa.

O governo do estado São Paulo considera as restrições necessárias para que os municípios não retrocedam de fase e tenham que fechar as atividades não essenciais outra vez.

Cautela, prevenção, higiene, necessidade e respeito ainda são palavras de ordem até aqui. Pontos movimentados da região preocupam justamente por colocar todo período de isolamento social e trabalho realizado em risco.

 

Da Redação

Deixe seu comentário :D

%d blogueiros gostam disto: